Arquivo da categoria: Dia a Dia

É a sua primeira vez no Blog???

É sua primeira vez aqui no Blog? Então comece por aqui e apréndelo tudo sobre blogging.

4 de cada 5 blogueiros experimenta as alegrias de uma migração de hoster nos 12 primeiros meses de sua aventura como blogger.

Escolher um grande hoster é uma decisão importante

Você pode acertar.

Você pode errar.

Neste caso, você descobrirá mais tarde, e não terá outra opção de migrar o seu site.

Por esta mesma razão, hoje te dou um guia com 9 fatores a considerar na hora de escolher a melhor hospedagem para WordPress.

Assim, já não terá desculpa para meter a pata!

Seu Check-List de 9 principais fatores antes de escolher o seu provedor de hospedagem para WordPress.

FATOR 1 – você Vai precisar de vários domínios?

Nem sempre é o caso, mas alguns hosters têm planos capeados para um único domínio.

Tipo A: Acomodação para um único blog, página web em uma única página.

Tipo B: Hospedagem para vários blogs página web sob o mesmo hosting.

Muitas micropymes têm um site e um blog. Outros profissionais também têm loja.radioblog

E estes 3 recursos digitais podem ser montados em plataformas e domínios distintos.

Neste caso, procure um hosting que lhe permita hospedar vários domínios/páginas da web diferentes em uma mesma conta.

Economizará tempo, dinheiro e, acima de tudo, você será mais produtivo.

FATOR 2 – Qual o tipo de alojamento escolher?categoria dia a dia

Se você está apenas começando, e posso te assegurar uma coisa: O hosting compartilhado é o que você precisa para iniciar o seu caminho para a nuvem.

É um hosting mais básico e o que a maioria de sites e blogs usam. É fácil de usar e seu preço é mais baixo custo.

Obviamente, você terá que compartilhar com outros clientes no mesmo servidor. Se você não ultrapassar as 500 visitas/dia, não deverá preocupar-se por mudar o tipo de plano de hospedagem mais avançados como o virtual hosting dedicado um hosting dedicado. A estas alturas, é um luxo do que você pode fazer sem.

FATOR 3 – o Que é tecnologia? Linux, nada de Microsoft!

Se você está apostando por um gestor de conteúdo, precisas de um plano de hospedagem que inclui um banco de dados. A referência em banco de dados é MySQL.

Os gestores de conteúdo como Joomla, WordPress e sistemas para montar lojas em Prestashop são soluções de software livre que melhor funcionam são em um ambiente LAMP (Linux, Apache, MySQL, PHP). Por isso, minha recomendação é trabalhar com servidores Linux.

Você tem muitas chances de que, no futuro, sua página está desenvolvida com essa tecnologia.

FATOR 4 – cuidado com as limitações de espaço e tráfego

À primeira vista, o preço pode ser para alguns o fator determinante na hora de escolher uma hospedagem.

Mas, como sempre, costuma ter letra pequena.

As limitações podem ser de dois tipos:

Pela quantidade de espaço que você pode usar no disco.

Por volume de tráfego mensal (tráfego web por mês).

Se o tráfego da web não deve se limitar se lançar um novo projeto, cuidado com o espaço em disco. Se você trabalha com muitas imagens (DIY, fotografias, lojas online), neste caso, você chegará muito rápido Gb de espaço em disco ocupado.

Tenha em conta que se você usa um e-mail corporativo ( vários) em seu plano de hospedagem, pois as caixas de entrada de e-mails vão restando espaço em sua capacidade.

Faça limpeza de vez em quando!

E não contrate um espaço em disco muito pequeno (Eu começaria com 1 Gb, no mínimo)

FATOR 5 – Necessita de autonomia. Sobre a importância de ter um painel de controle simples e intuitivo

Se como eu você não é técnico, você vai precisar de poder realizar operações comuns de gerenciamento de sistemas web, sem recorrer a um computador.

Eu Te custaria uma fortuna!

Por sorte, os bons provedores de hospedagem oferecem um painel de administração do seu plano de alojamento – usa-se frequentemente um tipo de painel chamado c-Painel – que permite que você facilmente:

Associar novos domínios à sua conta (Domínios adicionais), no caso de ter contratado um plano que possa hospedar vários domínios.

Criar várias contas de e-mail.

Consultar o espaço ocupado.

Gerir contas de FTP.

Etc.

Certifique-se de que o hoster que vai escolher oferecer um painel tipo c-painel semelhante para que não se sente como um polvo em uma garagem.

FATOR 6 – O poder em suas mãos!, com um instalador de aplicativos em um só clique.

Instalar o seu site com um auto-instalador nunca foi tão fácil como agora.

Se o seu provedor de hospedagem do website tem um serviço de auto-instalação, você poderá instalar facilmente todos os pacotes que existem no mercado: Potenciais, Prestashop, Magento, WordPress, Joomla e Drupal. E um Wiki, se assim preferir…

Os líderes no mercado são Fantástico, QuickInstall Installatron. Procura o auto-instalador em seu futuro fornecedor de alojamento.

FATOR 7 – Trabalha com profissionais e cuidado com as marcas que saem na TV!

Há um ditado que diz “mais vale um mau conhecido que o bom por conhecer”. Se aplico a escolha de um hosting eu vou te dizer que não estou nada de acordo com esta frase.

Há hostings muito conhecidos (Arsys, 1&1…), mas com um serviço deplorável. Ándate com cuidado. Verifica todos os comentários e opiniões dos clientes antes de fechar com um fornecedor.

Para mim, a qualidade na hora de escolher um fornecedor é fundamental, mesmo que te custe cerca de como criar um site mais.

Dê importância a disponibilidade de horário no atendimento ao cliente.

Não é o mesmo poder chamá-los a qualquer hora do dia, quando surge um problema, do que ter que esperar a segunda-feira, porque no momento que tu lhes necessita ninguém pode te atender. Não seria nem a primeira nem a última vez que o problema surge de noite, fim-de-semana. Escolha um fornecedor que possa atender e responder às suas chamadas de forma rápida. Para mim é o parâmetro fundamental.

A qualidade do serviço a ter em conta também a disponibilidade de servidores (web Site Uptime). Quando falo de uptime me refiro ao tempo que seu site está funcionando sem nenhuma interrupção para o usuário. Se estamos falando de 99% de operacionalidade significa que durante esse tempo todo tem estado a funcionar correctamente e apenas 1% tem caído.

E para terminar, queres um hoster que faça cópias de backup de sua conta. Pelo menos uma vez por dia. E que saiba com segurança restaurá-los!

Não queremos que nada acima nos aconteça, é por isso que todos os temas de qualidade você terá que olhar com lupa. Agora talvez lhe possa parecer um mal menor, já que me diga quando estiver em plena abate.

FATOR 8 – O; D & C JB?: eu fico em Portugal escolho um fornecedor

Muitos provedores de hospedagem americanos (Hostgator, Bluehost Metacafe) oferecem maior qualidade de serviço a preços mais baixos do que os que temos em Portugal. Você pode chamá-los a qualquer hora da madrugada, sempre terá alguém que pode resolverte o problema.

Agora, se você aposta por um hoster, você deve saber que:

O idioma pode ser o grande obstáculo para os serviços de hospedagem Não tem por que ser atendido em português.

A qualidade do atendimento ao serviço pode deixar a desejar se aposta nas ofertas mais baratas.

Você terá que encontrar o seu site para o português, uma vez instalada.